domingo, 20 de agosto de 2017

NA TAPADA DA AJUDA_OUTRAS ÁRVORES_21AGO17_II

 
Conforme já publicado em 13AGO17,neste blogue, comecei, um projeto relacionado com imagens de vegetais  da Tapada de Ajuda,
Hoje prossigo com novos registos de mais espécies de árvores do mesmo local florestal da Ajuda em Lisboa. São espécies importados de outros países que vale a pena visitar, por várias razões entre as quais apreciar o porte, a beleza e demais características.
Algumas imagens são feitas em contorno simples, prevendo concluir mais tarde a cores. Haverá um número indeterminado de muitas variedades de árvores, arbustos e demais plantas que eu poderia averbar de forma muito progressiva mas não exaustiva, escolhendo os que considero principais para a minha restrita visão, tendo como objetivo  ver, observar e...desenhar!
Quanto aos seguintes averbamentos para serem consultados no meu diário gráfico, constam as páginas onde estão anotados.
 
Fig 1. Da ÁFRICA DO SUL(pg54)

FIG 2 Do NORTE DA ÁFRICA(pg52)


Fig3. Dos EUA (pg50)


Fidg5. Da INDIA(pg48)



Fig 4. Da ÁFRICA DO SUL(pg54) 


Fid 7. Da ÁFRICA DO SUL(pg54)


Fig 6. Do BRASIL, da VENEZUELA e da ARGENTINA(pg46)

Fig 8   Da CHINA, TAIWAN, JAPÃO (pg 36)
 
Fig11. Da China(pg40)





Fig 9. Do CÁUCASO (pg44)

Fig 10   Do MÉXICO, CHILE E BRASIL (pg 38)





Fig12. Da REGIÃO  MEDITERRÂNICA(pg 56)

domingo, 13 de agosto de 2017

NA TAPADA DA AJUDA_AGO17_Pinheiro_I _13AGO17


Em 6AGO17 comecei, por iniciativa própria, um projeto relacionado com imagens de vegetais  da Tapada de Ajuda, tendo já sido postado o primeiro apontamento nos USKP. De momento  são averbamentos de árvores e desenhos de vegetação existentes naquela área. Hoje continuo com novos registos de variedades de pinheiros. Contudo,  não me foi possível adicionar a classificação das espécies desenhadas de seguida,  devido aos entendidos na matéria se encontrarem atualmente de férias. Posteriormente, sob meu pedido de esclarecimento, averbarei  os respetivos nomes desses pinheiros:

domingo, 6 de agosto de 2017

No Museu da Carris em Lisboa

 Foi anunciado o Encontro no MUSEU DA CARRIS,  com Nathalia Cavalcante no dia 5 de Agosto (a partir das 10h).
O nosso Almoço não foi  no LxFactory, mas próximo do citado Museu.
Com efeito, Nathalia compareceu com toda a sua simpatia, usufruímos de uma receção assim como de acompanhamento de um funcionário da Carris e tudo decorreu com uma boa harmonia entre os participantes.
 
Houve um momento desse dia, ao iniciar o Encontro que recordei a outrora presença da saudosa Maria Celeste! Como posso esquecê-la se partilhava sempre das nossas atividades?!
 
Entendi publicar a capa onde se encontram estas imagens, porquanto foi uma simpática oferta da Câmara Municipal de Almada a todos os Professores num dia de determinada Comemoração a que os docentes foram submetidos, mesmo não estando no ativo das suas funções. Possivelmente, um dia mais tarde aporei as legendas das imagens. Mas ora não e na escrita há indicações sobre o mesmo.
 
Foram as seguintes as imagens que produzi, algumas das quais separadas para efeitos futuros.:

 
 










sábado, 5 de agosto de 2017

NA TAPADA DA AJUDA_AGO17_Pinheiro 0

No dia 24 de Junho de 2017 foi anunciada uma atividade interessante na qual infelizmente não me foi possível tomar parte: Piquenique e Desenho na Tapada da Ajuda.
Contudo, fiquei curiosa e interessada em desloca-me no local. Obtive algumas informações importantes que gentilmente me foram dadas e que apresso a agradecer. Assim iniciei voluntariamente  um pequeno percurso que gostaria de continuar: desenhar algumas árvores e plantas. Comecei com o Pinheiro. Tenciono averbar os meus precários apontamentos e prosseguir com os exemplares existentes assim como outras variedades de plantas. Aproveitei para registar um pormenor visível no local: veículos estacionados.
 


domingo, 16 de julho de 2017

EMMAÚS PORTUGAL_Local_Caneças_15JUL17

I. Em 15Jul17 deslocámos à Comunidade que se situa na Estrada d` Além, na encruzilhada da Ponte da Bica, rumo a Quinta das Lages, Caneças. Aí consta-se da localidade do Voluntariado EMAUS em Portugal, uma muito ampla quinta pela dimensão. pelo brilho e luminosidade. 

II. Foi-nos dado um desdobrável elucidativo. Neste, constam elementos de informação da quinta que eu  nesta página, distribui em quatro partes:

Fig 1


Fig 2.


        Fig 4: restante parte do desdobravel  mais um postal ilustrado:
                                                             
                                                                                                                                                                            Fig 5 Uma das duas Fichas de Mário Linhares, que serviu de exemplo para os nossos registos:



III. Foram as seguintes imagens que registei nos meus cadernos gráficos. Constam na maioria, pequenos e até de incompletos apontamentos feitos na altura:

Fig 6 . Iniciei os meus desenhos num caderno A6. Uma pessoa (neste caso o Filipe Pinto) e peças de mobiliário de um dos armazéns


Fig 7. Uma jovem que nos acompanhava e desenhava connosco. Peças do exterior do pátio onde nos encontrávamos.

 Fig 8-. De novo, linha de contorno de Filipe. Neste caso, não registei mais nada.


Figs 8 e 9. Elaborados num caderno A5 com o Óscar (fig 7) e o espaço onde o mesmo trabalha , isto é, na cozinha. Na seguinte imagem aparece o exterior com alguns objetos que se encontravam guardados e colocados e, de novo, o Óscar como elemento dessa quinta.

sábado, 10 de junho de 2017

quarta-feira, 7 de junho de 2017

Faculdade de Ciências. Campo Grande _III

Terminando os vertebrados, começo com a classe das AVES. De seguida, um exemplar;               
CORVUS CORVAX

sexta-feira, 2 de junho de 2017

Faculdade de Ciências. Campo Grande _II


Tudo começou no dia 2ABR17 : desenhar a Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. Como foi domingo, após o encontro, tivemos uma visita guiada  a toda Faculdade, conduzida  pelo Prof Doutor Pedro Ré. Seguidamente, estive a desenhar o exterior do edifício assim como   as escadas que já foram oportunamente publicadas.
A. Do exterior dos edifícios na Cidade Universitária, Lisboa (Nessa altura o interior das instalações encontravam-se encerradas):
  O  patamar                    
    As janelas da biblioteca
 B. Nos dias úteis, com acesso ao Laboratório, entre outros, registei os seguintes vertebrados .





 
  

C. Entre ontem e hoje, foram feitas as seguintes figuras:

Configuração do crânio da raposa
                                  Craneo do cavalo  
Enquanto me mantive no Laboratório, decorreram algumas aulas. Foi muito agradável estar com os jovens. Alguns mostravam-se curiosos com o que eu estava a fazer. Fizeram perguntas, viram o meu diário gráfico. donde consideraram um aspecto bastante positivo inteirarem-se as particularidades do desenho.
Para além do Prof Doutor Pedro Ré, agradeço também a atenção que a Prof Doutora Paula teve comigo, prestando informações várias.

terça-feira, 30 de maio de 2017

Faculdade de Ciências_Campo Grande _Lisboa





Tudo começou no dia 2ABR17 em que fomos desenhar na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. O Encontro foi às 14h30 no bloco C5 junto aos seguranças.

Como foi domingo após oencontro, de uma visita guiada a toda a faculdade, estive a desenhar  as escadas que foram já publicadas.Ultrapassando o limite de data estipulado, nos dias úteis, até 14 de Abril. desenhei também para além da biblioteca, no laboratórios e inicialmente no anfiteatro, Entretanto o prazo continua a ser alargado,com devido conhecimento da Faculdade,uma vez que ainda não completei os trabalhos, prevendo continuação até fins de Mai17.

Por questões de natureza de segurança os lugares precisara de marcação prévia devendo contactar o email pmare@direccao.ciencias.ulisboa.pt

Para futura exposição dos trabalhos na biblioteca central da Faculdade (na qual colaborarão outros autores fotógrafos, cineastas, ....) enviar os desenhos, digitalizados a 300dpi e vendo-se as margens dos cadernos, para Miguel Gonçalves gcic@fc.ul.pt até 16 de Abril.
 
A. CRUSTÁCEOS

Crustáceo_II


Crustáceo_III

Crustáceo_IV

Crustáceo_V


LÍMULO


B.RÉPTEIS

RÉPTIL_III

RÈPTIL_IV




                                                                                                                     Réptil_vertebrado:vistas superior e inferior








C.TESTUDINE
 

RÉPTIL_TESTUDINE_Verterado_vista superior e inferior


 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 



Adicionar legenda